5 dicas de Email Marketing
Publi e MKT

5 Dicas para Criar Emails que Sejam Lidos

Sabe durante quanto tempo um leitor vê o seu email? Segundo Jakob Nielsen, perito em usabilidade na web, os utilizadores passam, em média, cerca de 50 segundos a ler o nosso email. Cada vez mais lemos e processamos os emails em alta velocidade. Por vezes temos a caixa de entrada inundada com mensagens para resolver, e de forma a termos tempo suficiente para desempenhar as outras nossas tarefas, temos de nos tornar eficientes a lidar com o email que recebemos. O que é que se pode fazer de forma a que a mensagem que queremos transmitir por email atraia a atenção do leitor para que ele não se sinta tentado a carregar logo na tecla delete?

A próxima vez que estiver usando sua ferramenta de email marketing, utilize estas 5 dicas para criar emails que mantenham os seus leitores envolvidos com a sua mensagem e o seu conteúdo.

 

1. Uma estrutura sólida

Para ver as árvores, primeiro é preciso ver a floresta. Comece com o panorama geral para conseguir delinear a estrutura básica da sua mensagem. Desenvolva a hierarquia da sua informação ao determinar os seguintes pontos:

  • Qual é a informação específica mais importante?
  • Este é o conceito principal que quer que o seu leitor perceba do seu email. Qual é o seu conceito principal a ser transmitido?
  • Qual é a segunda informação mais importante?
  • Pode ser algum tipo de notícia secundária, ou promoção contínua, ou produtos permanentes que tem para vender, ou uma lista de serviços, etc
  • Qual é a informação menos importante? Esta poderá ser informação de contactos e direitos de autor (copyright), termos de serviço e outros do género.

Quando desenhar e implementar o layout da sua newsletter, escolha entre uma ou duas colunas. Uma coluna poderá facilitar a atenção do utilizador ao centro, no entanto, duas colunas não fica necessariamente atrás se conseguir colocar o seu conteúdo de forma organizada. Se optar por duas colunas, lembre-se que no mundo ocidental lemos da esquerda para a direita, portanto os tópicos mais importantes deverão estar do lado esquerdo do ecrã, porque é para aí que os olhos do leitor irão. É possível criar por si mesmo a sua própria newsletter de email em HTML.

 

2. Use imagens, mas não abuse

As imagens atraem a atenção do leitor, mas fazem com que os emails levem mais tempo a carregar, portanto use-as moderadamente. Vários recipientes de email têm as imagens desabilitadas. Poderão permitir HTML, mas não as imagens de forma automática, como é o caso do Gmail, onde normalmente é necessário permitir ver as imagens. Certifique-se que a sua mensagem de email pode ser entendida se as suas imagens não forem visíveis à partida. Para tal, adicione uma descrição “Alt” e “Title” a cada imagem.

Desta forma, se o leitor não conseguir ver a imagem, ele poderá ao menos ler uma descrição da mesma. Se as imagens desempenharem um papel importante no seu email, adicione uma pequena frase na imagem de cabeçalho de email que mencione algo do género: “Para melhor visualização, por favor habilite as imagens neste email”. Note como essa frase só irá aparecer se o utilizador tiver as imagens desabilitadas, o que os irá levar a habilitar o modo de imagens.

 

3. Não complique no design

No seu cliente de email, quando está a escrever uma mensagem, você tem acesso a várias fontes e cores que pode escolher. Não complique. Escolha uma cor escura e neutral, do género um cinza escuro ou preto para usar pelo menos no corpo de texto e introdução. Estas serão as áreas de maior importância, que irão dar o contraste com outras cores que poderá usar noutras áreas de menor importância.

Nestas, use um fundo mais claro para ter menos contraste, mas tenha em atenção para que o contraste ainda assim seja suficiente para que o texto nessas áreas seja inteligível o suficiente. Ao tornar estas áreas secundárias com menor contraste, vai significar que os olhos do leitor irão para as áreas principais, aquelas que têm o maior destaque, e depois irão deslocar-se só para as áreas de menor contraste.

Lembre-se de usar um tipo de cor apenas para o seu texto de hyperlink. Enquanto que o texto normal poderá ser um cinza escuro ou preto, o texto dos hyperlinks deverá ser o azul padrão, ou então a cor do seu branding ou logótipo, para ser coerente com a sua marca ou website.

 

4. Mantenha os emails curtos

Se o leitor apenas lê o seu email durante 50 segundos, então não terá muito tempo para ler a sua mensagem. Pense na sua mensagem como um sumário, e imagine que é um jornalista: faça a cobertura da história principal, dê alguns factos que suportem a mesma, e faça um apanhado da coisa com um apelo à ação para dar a entender ao leitor o que eles podem fazer a seguir.

 

5. Não use CAPSLOCK

Evite usar letras de caixa alta (caps lock) nos seus emails. Primeiro, porque representa como se fosse uma pessoa a gritar, o que é grosseiro. E segundo, torna-se difícil de ler, porque o ritmo normal de texto inclui letras de caixa alta e letras de caixa baixa. Imagine ler um livro todo com LETRAS DE CAIXA ALTA.
Seria altamente desconfortável para os olhos. Usar letras de caixa alta torna mais lento o processo de leitura, que é o contrário daquilo que queremos fazer. Use estas dicas para criar um email que seja lido pelo seu leitor e que o ajude a obter mais tempo de leitura e envolvimento consigo.

Clique aqui para comentar ( )