capa
Fotolia

5 formas de conseguir mais qualificação profissional

Olá pessoas!
Qualificação profissional. Expressão muito conhecida por todos nós. Já vimos e ouvimos na TV, internet, rádio, meio da rua… enfim, todo lugar! Tantos profissionais por aí… e todos eles buscando se qualificar (na teoria, pelo menos) para conseguir se destacar e permanecer no mercado. É meus amigos, não tá fácil pra ninguém. Na nossa profissão acontece o mesmo, todo mundo tá tentando aprender algo novo, estudar, praticar, pesquisar… enfim, estão sempre buscando algo, e tem que ser assim mesmo! O mercado não tá tranquilo/favorável (rs) de se trabalhar. Poucas vagas, concorrência disparando o ponteiro… por isso devemos buscar qualificação, e quanto mais, melhor!

No artigo de hoje, vou passar algumas dicas para uma qualificação profissional arretada (como falamos aqui no Nordeste, rs). ‘Come on!

 

#01 – CURSOS DE CURTA DURAÇÃO

Esse modelo pode se encaixar perfeitamente em seu ritmo de estudos e comprometimento, sendo a escolha certeira para muitos futuros designers. Escolha a habilidade quando sentir que necessita e siga uma rota mais vocacional. É um treinamento para o mercado, em vez de uma investigação intelectual profunda. Os cursos vão oferecer exatamente i que colocaram no cronograma.

Antes de fazer um curso, procure conhecer a ementa, professores, formas de ensino… enfim, tudo o que for relevante para o seu aprendizado. Pesquise sobre a reputação da empresa/instituição que oferecerá o curso, é melhor descobrir isso antes de estar estudando.

 

#02 – CURSOS A DISTÂNCIA (ONLINE)

Os estudos a distância se tornam cada vez mais populares entre pessoas que não tem tempo e também tanto dinheiro para investir. Estude quando quiser. As qualificações online nem sempre são aceitas, portanto verifique se o curso é reconhecido pelo MEC. Outra maneira de capacitar é assistindo a vídeo-aulas disponibilizadas por grandes universidades.

Existem milhares de sites na internet que oferecem bons cursos para qualificação. Fique ligados nas novidades, pesquise os melhores sites em blogs, fóruns e grupos.

 

#03 – CURSOS PROFISSIONALIZANTES

Escolas especializadas ensinam habilidades relevantes e conhecimentos práticos da teoria de design em um ambiente acelerado. Opções curtas não dão oportunidade de explorar o assunto como um curso de graduação, mas você enriquecerá seu currículo e estará preparado para o seu papel no mercado de trabalho.

Procure por boas escolas de arte. Os cursos são muito bons e realmente vale a pena! Os professores são muito qualificados e experientes (pelo menos a maioria). Alguns até oferecem certificação da Adobe através dos cursos. Mas, novamente, verifique as formas de trabalho, reputação, cronograma… fique ligado!

 

#04 – TUTORIAIS NA INTERNET

Opções como esta oferecem habilidades excelentes e treinamentos em softwares específicos. Muitos blogs oferecem tutoriais gratuitos sobre programas como Illustrator, Photoshop, InDesign, e tantos outros. Muitos deles estão em inglês, é interessante se conhecer ao menos um pouco para estes em outro idioma.

Eu não concordo com tutoriais, se você se baseia apenas em habilidades no software para criar suas peças (não estou falando apenas de ‘sobrinhos’, existem ‘designers’ que são assim), mas se você assiste em busca de técnicas em softwares, vá em frente! O que também não acho legal, é como alguns podem ver esses conteúdos; ás vezes a pessoa usa um monte de ferramentas que nem sabe pra que serve, só porque foi pedido no vídeo. Procurem estudar ao menos as coisas básicas do soft, antes de cair em cima de um tutorial super avançado.

 

#05 – COMPETIÇÕES

Enquanto ainda foca em qualificação, as competições são um ótimo jeito de divulgar seu trabalho e servir como um primeiro passo no mercado. Geralmente são organizadas por pessoas que darão um valor ao seu trabalho. É uma grande experiência para trabalhar com prazos e um treinamento útil para responder a um briefing criativo.

Competições é algo que dá muito certo. Eu dava aula em um curso profissionalizante e a cada 2 meses, os professores faziam uma competição entre si. Definimos um briefing e cada um fazia do seu jeito. Isso ajudava bastante! Dava motivação pra estudar, ajudava a aumentar nossa criatividade, popular portfólio… tente juntar 2 ou mais amigos e faça competições entre si, dá certo!

Então, pessoas, espero que esse conteúdo possa ter sido útil pra vocês. Qualificação é algo que todos nós precisamos, certo?!

Fala aí nos comentários a sua opinião sobre o artigo, ok?

Vi parte desse conteúdo aqui.

Valeu! ;)

Clique aqui para comentar ( )