Inspirações

Aprendendo sobre Iconografia

Olá a todos, primeiramente deixe-me que lhes façam uma pergunta: Olhando neste momento para a tela do seu computador quantos ícones consegue contar? Eu, pelo menos, contando com os do editor de texto que usei para escrever esta matéria passou dos 30. São tantos, mais tantos que nos cercam diariamente que seria difícil enumerar ou catalogar todos que vemos, e estou ciente que esta não é minha intenção aqui.

Minha intenção é de aprender junto a vocês sobre os ícones. Pretendo apresentar alguns estilos e principalmente tendências que os ícones vêm sofrendo com o passar do tempo. Quero falar também sobre a miniaturização deles e como eles podem facilitar a interação ou até afastar determinado usuário daquele serviço. Quero ainda mencionar sobre os ícones que estão imortalizados até hoje nas nossas vidas, um exemplo? O disquete, sua figura até os dias de hoje é encarregada de representar o arquivamento de um documento, já reparou? Por que quando se faz referência a número de telefone ou a ação de realizar uma chamada se utiliza a figura antiquada dele, invés a de um celular ou smartphone? E ainda se possível, adoraria esclarecer as diferenças entre o que é ícone e o que é pictograma (assunto que também abordaremos aqui).

A ideia é que eu consiga sempre que possível deixar as matérias bem ilustrativas, e/ou anexar algum material, que para minha alegria possa gerar uma atividade ou desafio entre os leitores.

Para início de conversa vamos para aquela definição do wikipédia que é de praxe:

  • Ícone (semiótica) “é um signo visual que representa outro objeto por força de semelhança. Ícones são signos substitutivos (podem ser usados no lugar da coisa representada)”
  • Ícone (informática) “ícone é um pequeno símbolo gráfico, usado geralmente para representar um software ou um atalho para um arquivo específico, aplicação ou diretório”
  • iconografia “(do grego “Eykon“, imagem, e “graphia“, descrição, escrita) é uma forma de linguagem visual que utiliza imagens para representar determinado tema.”

Antes que me despeça e saiam dizendo por aí que só fiz deixá-los na vontade, segue link para um trabalho da Aurove Design Studio que conheci a pouco tempo; chamado “Famous Painters” eles tiveram a brilhante ideia de recriar ícones de redes sociais considerando como referência as obras de pintores famosos. O resultado é de se orgulhar, inclusive os ícones inspirados no Wassily Kandinsky podem ser baixados gratuitamente nesta página. Abraço e até a próxima.

Clique aqui para comentar ( )