Design

Como criar uma experiência de consumo memorável

O processo de venda de um produto ou serviço hoje é tido como um desafio para as marcas. Com o fácil acesso à internet as pessoas pesquisam mais antes de efetivar a compra, buscam feedbacks de outros usuários e informações sobre o que vão adquirir, conversam com amigos sobre o assunto, pesquisam resenhas de quem já consome, vídeos explicativos e até o famoso “unboxing” (alguém que comprou um produto filma todo o processo de desembalagem e as primeiras impressões ao usá-lo).

Segundo Ricardo Buckop, sócio-fundador da Agência B2 em entrevista ao Mundo do Marketing, o público jovem consome coisas pautadas em indicações, o desafio é chegar até o Whatsapp, pois lá as pessoas falam naturalmente sobre o que compraram ou ainda vão comprar. Ricardo ainda afirma: “Se a marca conseguir ser lembrada por lá, ela obteve sucesso, porque as informações são totalmente relativas ao seus interesses. Deve haver uma reflexão de como se fazer campanhas a partir de agora.”

img-2
Criar um vínculo que vai além da compra ou contratação do serviço com o cliente pode ser tão efetivo que, se a experiência for positiva as chances desse cliente se tornar fiel e recorrente são altas. Há quem acredite que um cliente satisfeito com a experiência compartilha isso com cerca de 5 pessoas, já se ele estiver insatisfeito ele compartilha a história com 10 pessoas. Claro que os números variam, mas é fato que nos lembramos mais quando tivemos uma decepção do que quando tivemos uma satisfação.
Explorar todos os sentidos em uma experiência de consumo torna-a mais acessível e inesquecível. Veja abaixo dois exemplos de experiência de consumo incríveis:

Ações do tipo podem ser importantes para reforçar os valores da empresa, fazendo com que o consumidor entenda isso de maneira sutil. É interessante fazer com que palavras positivas e diretas fiquem na cabeça do consumidor se alguém lhe pede para definir tal marca. Podemos fazer um teste rápido pedindo para algumas pessoas definirem certa marca de cosméticos, por exemplo. As palavras ditas provavelmente serão relacionadas entre si e irão exemplificar as relações emocionais que aquelas pessoas tiveram com a marca. Uma empresa que cria vínculos emocionais com seus clientes provavelmente o terão fielmente e isso será passado para as pessoas mais próximas desse cliente. Uma indicação confiável vale mais que muita propaganda!

reportagem PEGN

Fonte: reportagem PEGN

Muitas marcas estão se reinventando para criar momentos únicos entre o produto e o consumidor. Tal pensamento faz com que ações de marketing sejam inesquecíveis e se tornem referência no momento de decisão da compra. É mais do que apenas resolver o problema do cliente, é fazer parte da vida dele, se tornar essencial, se mostrar presente sempre, ter princípios parecidos com os do consumidor e fazer parte do dia-a-dia sutilmente. Um caso interessante é a Coca-Cola, sempre citada quando o assunto é ações sociais e criativas. O produto em si não é lembrado inicialmente pelo gosto, é lembrado por estar presente em comemorações familiares, grupos de amigos, momentos alegres e conquistas. Tais conceitos a marca vem construindo desde a sua fundação, em 1886.

Se lembra de mais cases de sucesso quando o assunto é experiência de consumo? Compartilhe com a gente!

Clique aqui para comentar ( )