Artes

Como usar referências em suas ilustrações

Fala criativos! Hoje gostaria de falar sobre um assunto polêmico para muitos, o tão dito uso de referências em um trabalho artístico. Muitas pessoas acreditam cegamente que um artista deve criar tudo apenas através de seu vocabulário visual e que se usar de recursos como fotografias, montagens, esculturas, entre outros, é um artifício usado por farsantes. Essa crença não só é contraditória, visto que grandes mestres usavam constantemente modelos vivos para suas pinturas, mas também extremamente debilitante, visto que um artista tira boa parte de sua inspiração e repertório visual do que ele observa em sua realidade.

<È claro, existem muitos artistas que tem por prática simplesmente copiar fotos, seja por ter um estilo hiper-realista, por exercício ou por simples preguiça de imaginar algo além do observado. Portanto gostaria de falar um pouco mais sobre como e quando utilizar suas referências, qual o limite entre uma simples cópia / plágio de uma inspiração.

Em 1887, logo na infância da fotografia, Pascal Dagnan Bouvered pintou o quadro “Breton Women at a Pardon”, na ocasião ele fez uso de uma imagem de mulheres sentadas em pose similar, mas observando a pintura final fica claro que ele utilizou a referência mais como uma guia para a composição desejada.
pascal
Dean Cornwell (1892-1960), famoso por suas pinturas e murais a óleo, fez essa famosa imagem de gangsters sendo abordados a partir de uma foto de amigos ilustradores, claramente você percebe que  não só que ele usou apenas para ter uma noção das poses, como fez grandes incrementos na pintura final.
cornwell

O famoso pintor Normal Rockwell costumava criar fotos das cenas que gostaria de pintar para conseguir ganhar tempo e um melhor acabamento, visto que já tendo um enquadramento, valores e poses definidas, ele poderia se preocupar com cores e detalhes.’
norman
norman2
norman3
Harry Anderson (1906-1996) costumava tirar fotos de si e de alguns modelos em preto e branco para referência de pose em suas pinturas religiosas. Como é possível notar, ele toma diversas liberdades na pintura final.
anderson

O grande artista James Gurney, famoso por desenhar dinossauros, costuma muitas vez fazer esculturas e pequenas maquetes para compor suas telas. Além disso, ele é um ávido colecionador de material relacionado a paleontologia, o que torna seu repertório visual mais completo.

toothbrushcomparison
wet-arthur-montage-sm
O artista Andrew Raftery constrói pequenas maquetes de madeira e cera para usar de referência para suas gravuras.

 

rafteryRaftery 4, 7/31/08, 5:27 PM, 16C, 5724x7347 (274+290), 100%, Custom, 1/60 s, R57.4, G30.0, B43.2

 

Então fica a pergunta:
Como se usa referências sem ser plágio? Talvez a resposta mais óbvia é de sempre tentar criar seu próprio material de referencia, seja fotografando, esculpindo ou através de desenhos de observação. Tente não usar material de referência de terceiros ou de preferência só use se tratar de algo muito específico ou um pequeno detalhe e que você dificilmente terá acesso (ex: uma foto de um diamante bruto africano). Não é que não possamos nunca nos inspirar no material de terceiros, mas é sempre importante lembrar que quando utilizamos uma referência de terceiros devemos pensar que aspectos estamos querendo replicar: É a iluminação? São as cores? Os formatos? A composição? Todos os grandes artistas tiram um pedacinho aqui e ali, mas querer copiar algo por inteiro sempre será considerado plágio. Também não devemos se esquecer que quando usamos o material de terceiros deixamos de tomar diversas decisões criativas nos limitando ao material de referência, quando simplesmente jogamos “leão” no Google e pegamos a primeira imagem, não teremos a possibilidade de escolher o enquadramento, pose, iluminação, entre outras coisas.

 

sem-titulo-1

 

È claro, muitos de nós não podemos nos dar ao luxo de ir até a África fotografar leões, muitos nem sequer tem a oportunidade de ir até o zoológico devido a sua localização. Por isso um caminho mais seguro, longe de problemas com direitos autorais são as imagens de banco de imagens. Algo que pode facilitar muito na sua criação é ter acesso a imagens diversas e de boa qualidade, um bom lugar para encontrar estas para uso em sua arte, é o Fotolia da Adobe, um banco de imagens líder mundial, que dá acesso instantâneo a mais de 62 Milhões de imagens, vetores, ilustrações e videoclipes, ou seja, um excelente material não só para estudar mas para trabalhos diversos!

Clique aqui para comentar ( )