fontes
Freela e Startup

Dicas práticas para utilização de fontes

Todo designer tem uma vasta coleção de fontes em sua máquina, não é mesmo? Essa coleção de fonte é como um grande salva-guarda para diversas situações, seja um projeto inesperado ou então para aquela demanda urgente de alguma tipografia diferenciada.

Eu tenho – quase – certeza que sua coleção de fontes está nesse momento em três situações: 1- desorganizada no seu HD, 2- espalhada por diversas pastas e 3- você ainda instala fontes arrastando para a pasta fonts do seu sistema operacional.

Vou te contar que existem formas simples de você manter esse repositório de fontes organizado, que facilita sua busca e principalmente, reduz o peso das fontes no sistema operacional, consumindo menos bytes da sua preciosa memória RAM.

Dicas para otimizar o seu uso de fontes

1- Organize todas as fontes que você comprou ou baixou de sites especializados em uma única pasta. Dentro dela catalogue como quiser, meu exemplo pode ser uma divisão entre gratuitas e pagas. Então a organização pode ficar assim Repositório>Fontes>Gratuitas ou assim Repositório>Fontes>Pagas.

2- Após organizar suas fontes baixadas em uma pasta de repositório, organizá-las do jeito que for mais fácil e interessante para você, recomendo fazer uma limpeza. As vezes baixamos fontes que nunca sequer abrimos para instalar. Minha dica é: se você olhou o nome do arquivo e não sabe de que fonte se trata, apague-a do seu disco e libere memória.

3- Instale um bom gerenciador de fontes. Hoje em dia podemos encontrar gerenciadores de fontes poderosos e gratuitos. Foi-se o tempo que apenas através do Corel Draw (não que eu usasse, mas…) conseguisse ter acesso ao Font Navigator. Semana passada preparei uma lista básica de gerenciadores de fontes para quem usa windows e mac, você pode conferir aqui.

Para gerenciar minhas fontes no dia-a-dia, passei a utilizar a versão gratuita do Linotype FontExplorer X. É um software de usabilidade simples, interface eficaz e que ainda possui excelente integração com diversos programas de editoração eletrônica como: QuarkExpress, InDesign e Illustrator. Até o momento não tenho o que reclamar do programa.

Quais as vantagens de organizar?

O fato é que, assim como todos os recursos que utilizamos em projetos de design, a organização é crucial e nos ajuda a poupar tempo de execução, o que garante uma possibilidade maior de retorno financeiro.

Ter todos os gigas de fontes organizados e de fácil acesso nos nossos arquivos pode garantir bons retornos financeiros, agilidade para construção e entrega de projetos e também a redução do – nosso – estresse, quando procuramos algo que não encontramos nem a pau.

Agora queremos saber, como vocês fazem para manter suas fontes organizadas? Conhecem alguma forma de organizar coleções, sejam elas de fontes, imagens e/ou vetores? Comente aqui em baixo e participe da discussão.

Espero que tenham gostado do artigo e até semana que vem!

Clique aqui para comentar ( )