Design

Driblando a procrastinação

Hoje eu ia falar sobre a (des)valorização dos designers quando têm que precificar um trabalho, mas esse assunto terá que ficar para a próxima semana. Isso porque, há duas semanas, falei aqui sobre a arte de procrastinar e, como muitas pessoas se identificaram e falaram que sofrem desse “mal”, resolvi me estender um pouco mais no assunto. Por isso, compartilho abaixo algumas dicas minhas e outras que vi por aí, que podem ajudar a acabar com esse hábito tão comum. Vamos lá!

  1. Planeje o seu dia.
  2. Faça uma lista de tudo aquilo que te distrai das suas obrigações e procure afastar-se disso, especialmente as distrações digitais (facebook, youtube, blogs, etc).
  3. Divida seu tempo em períodos mais curtos e crie prazos rigorosos para completar suas tarefas.
  4. Divida a tarefa em várias partes e em itens menores e mais fáceis de serem executados.
  5. Comece pelas tarefas que menos gosta ou se identifica. Assim, no final, você só terá tarefas mais interessantes e, por isso, menos chance de adiá-las.
  6. Coloque prazos curtos para a execução de tarefas que parecem ser mais trabalhosas.
  7. Reúna todos os seus prazos em um mesmo calendário ou agenda.
  8. Mude de ambiente sempre que as tarefas permitirem. Experimente trabalhar ao ar livre ou simplesmente troque de lugar.
  9. Compartilhe suas metas e objetivos com outras pessoas, inclusive os serviços e as entregas que precisam ser feitas. Isso aumenta o seu senso de responsabilidade.
  10. Converse com pessoas que fazem o que gostam. Quando se faz o que gosta, as chances de procrastinar são praticamente nulas.
  11. Passe mais tempo com pessoas que não procrastinam e pegue dicas valiosas para deixar de lado a mania de “deixar pra última hora”.
  12. Force-se a ir adiante. Quando sentir que está perdendo o interesse no que está fazendo, procure olhar os pontos positivos daquilo.
  13. Foque na satisfação e alegria que terá quando terminar a tarefa. Se preciso, dê um prêmio a si mesmo por terminá-la.
  14. Arranje tempo para pausas. Concentrar-se em uma tarefa por um longo período de tempo pode ser improdutivo e gerar procrastinação.
  15. Pratique o velho ditado: “o bom é inimigo do ótimo”.
  16. Quando necessário, faça novos planejamentos, criando novos processos e prazos.
  17. Pare de esperar o momento perfeito, porque não existe um momento perfeito para iniciar um projeto ou uma tarefa. É preciso dar o primeiro passo!

E aí, que tal começar agora aquela tarefa que você está procrastinando? Espero ter ajudado!

Clique aqui para comentar ( )