Tecnologia

Internet, após ter encurtado o mundo, agora te ajuda a economizar na hora de conhece-lo

É fato que hoje em dia, com a tecnologia, tudo fica muito mais fácil, tarifas do cotidiano como fazer compras em um supermercado ou comprar um remédio na farmácia já podem ser realizadas sem nem sair da cama. Mas se você é daqueles que gostam da aventura, de viajar e conhecer o mundo com certeza você não quer apenas a praticidade, você quer uma forma de realizar seus sonhos gastando o mínimo possível.

Vários sites hoje se propões a facilitar a vida do viajante, realizando de forma automática a busca por passagens aéreas, hospedagens e em alguns casos até mesmo passeios turísticos. O site www.kayak.com.br (Não, não é a marca de perfumes), ajuda, de forma bem simples, a descobrir em quais dias as passagens aéreas, estarão mais baratas.

O site fez uma pesquisa para auxiliar articular sua agenda de uma maneira mais econômica seja você um homem de negócios ou um mochileiro (Quem também lembrou de mochileiro das galáxias deixa um comentário!).Em viagens de curto período de tempo, a economia pode ser de até 15%, saindo num sexta e retornando em um domingo. Porém decidindo ir em uma segunda e voltando em uma terça você pode gastar até 40% mais em suas passagens aéreas. Já para viagens internacionais de curto período a economia pode chegar até 30%.

Outro dado pesquisado diz respeito às viagens com mais de sete dias. Para esses casos os preços costumam variar menos e o valor médio tende a ser um pouco maior (cerca de 5% para voos domésticos e 30% para voos internacionais). Em uma viagem nacional mais longa, o melhor dia para partir é domingo com volta em uma quinta-feira e os preços podem ser 11% mais baratos. Vale destacar que as maiores altas estão nos voos com saída aos domingos com retorno aos sábados, os preços chegam a ser até 18% mais caros. Os dias ideais para uma viagem internacional, com mais de sete dias são segunda-feira com volta em uma quinta-feira ou com saída na terça e retorno na quarta-feira, a economia chega a ser de até 6%.

Nicolas Scafuro, diretor do KAYAK na América Latina, diz que a prioridade do site é apresentar aos usuários a melhor maneira de economizar. “Buscamos apresentar aos usuários do KAYAK, sempre, a melhor maneira para economizar. Ao analisar uma amostragem da nossa base de mais de 1 bilhão de buscas anuais, identificamos que viagens de até sete dias costumam variar mais de preço do que as viagens que duram mais tempo, mas para ambos os períodos é muito importante pesquisar, principalmente se não há um dia certo para ela acontecer”, aponta Nicolas Scafuro, diretor do KAYAK para América Latina.

Clique aqui para comentar ( )