Inspirações

O estúdio fotográfico mais barato do mundo

Já pensou em ter seu próprio estúdio fotográfico dentro de casa? Esta é a solução ideal para fotografar pequenos e médios produtos/objetos. Com dois ou três pontos de luz, este mini estúdio, também conhecido como light box, deixa a luz difusa e faz com que as sombras não sejam tão duras. Até mesmo com smartphones as fotografias podem sair com ótima qualidade. É a solução ideal para quem trabalha com e-commerce por exemplo, e necessita, rotineiramente, fotografar novos produtos.

Abaixo segue um vídeo tutorial bem objetivo, que dispensa explicações detalhadas. É de fato muito simples de ser feito! E o melhor de tudo: os custos dos materiais são baixíssimos.

Créditos: Skillshare.

Segue a lista dos materiais necessários para montar o mini estúdio:

Para começar: Uma caixa de papelão do tamanho que você julgar necessário;

Para executar: Estilete, tesoura, lápis/caneta e cola normal ou quente;

Para colar os papéis das laterais à caixa: Fita adesiva (de preferência larga);

Para cobrir as laterais e a parte de cima da caixa: Papel vegetal, manteiga ou seda;

Para o fundo infinito: EVA, cartolina, papel cartão ou papel 40kgs (recomendo o EVA pois é lavável e também fosco, contribuindo para a uniformidade da luz do cenário);

Para a iluminação: duas ou três lâmpadas de cor neutra (pode ser aquelas fluorescentes básicas). É importante que todas lâmpadas tenham a mesma temperatura de luz, caso você queira que a iluminação seja o mais uniforme possível.

P.s: O resultado das fotografias podem variar de acordo com o material utilizado.

Espero que tenha sido útil. Até semana que vem, grande abraço!

Clique aqui para comentar ( )