Publi e MKT

Palavras Velozes

Ha pouco tempo atrás eu já não aguentava mais assistir as mesmas propagandas sobre carros, enaltecendo seus pontos fortes como painel elétrico, direção hidráulica, rodas de liga leve e aquele mesmo bla bla bla de sempre. É como se fosse um mantra, algo que se repetia desbragadamente para qualquer marca e qualquer tipo de carro. Porém, hoje em dia, cada vez me surpreendo mais com a inovação das agências ao criar para esta categoria de produtos. Eu como um publicitário da área criativa devo dizer que quando penso que os assuntos já se esgotaram para caracterizar e distinguir os automóveis, sou surpreendido com mais criatividade e inteligência.

Tal surpresa quanto a inovação aconteceu novamente hoje (21/09/2013), pois enquanto escrevo esta matéria a F/Nazca Saatchi&Saatchi lança a publicação Citações Infelizes sobre o impossível para divulgar o novo Honda Accord. A ideia simples mas muito inteligente é trazer 126 declarações ilustres de pessoas que duvidaram de grandes avanços tecnológicos, como o automóvel, por exemplo.

Alguns dos depoimentos dizem: “O cavalo esta aqui para ficar. O automóvel é apenas uma novidade passageira”, opinião de um grande investidor do início do século passado. Ou ainda, “Tudo o que pode ser inventado já foi inventado”, afirmação de um oficial do escritório de patentes do EUA em 1899. O livro esta sendo enviado para cada consumidor em todo o país, o que será feito ate o fim do mês. Confiram a capa do livro e mais dois exemplos de declarações contidas no livro:

A grande sacada aqui não esta apenas no fato de a agência ter criado um livro para cada consumidor, mas sim no conteúdo da publicação que traz citações que diretamente remetem a potencia extraordinária do veículo. Para quem ainda não conhece, pode assistir ao vídeo, que explica de forma tradicional todas as qualidades do carro.

Mas acredito que esta seja sim um anuncio inteligentíssimo, apesar de usar uma ideia simples e que já poderia ter sido explorada anteriormente. E é exatamente ai o ponto, o óbvio as vezes é o mais difícil de ser feito e executado.

O enaltecer as características do carro abertamente como era feito antigamente foi de certa forma repaginado, trazendo o frescor da ideia e a pegada moderna e veloz que o carro precisa. Parabéns Charles Faria pela excelente redação e André Fukumoto pela brilhante tradução visual. Enfim, a F/Nazca parece que acordou com gás para bater a concorrência.

Clique aqui para comentar ( )