Design

Referência Básica: Eva Zeisel

Como vocês já viram em posts anteriores, algumas referências são básicas para qualquer designer, sejam como exemplos de carreira, de vida ou simplesmente inspiração.

A designer industrial Eva Zeisel é mundialmente conhecida por seu trabalho em cerâmica, com coleções em diversos museus (MoMa, Cooper-Hewitt Design Museum, British Museum, entre outros). Podemos dizer que seus trabalhos são realmente inovadores, pois foram além dos limites da técnica, uma superação bastante difícil, para todas as áreas do Design. Sempre somos limitados por questões de fabricação, impressão, montagem, materiais, etc. Quando transpomos esse limite, nos aproximamos do conceito de inovação e, portanto, do que seria um bom design.

“De forma genérica, existem dois tipos de inovação: a radical e a incremental. Pode-se entender a inovação radical como o desenvolvimento e introdução de um novo produto, processo ou forma de organização da produção inteiramente nova. (…) As inovações podem ser ainda de caráter incremental, referindo-se à introdução de qualquer tipo de melhoria em um produto, processo ou organização” (Fonte)

As formas de seus trabalhos são, geralmente, abstrações do mundo real e das relações humanas. Mas “designer” não era um termo a qual ela se identificava: Eva se declarava como uma “fazedora de coisas úteis”.

Uma curiosidade

Enquanto morava na Rússia, Eva foi presa por ter sido falsamente acusada de participar de um plano de assassinato cujo alvo era Stalin. Na prisão passou 16 meses, 12 deles numa solitária. Após isso, mudou-se para Viena com seu marido e, quando a cidade foi invadida por nazistas, Eva e Hans partiram para a Inglaterra e de lá para os EUA, com pouco mais de 50 dólares nos bolsos. Nos EUA, Eva teria o ápice de sua carreira e o merecido reconhecimento internacional.

Frases

“Eu não crio coisas angulares. Sou uma pessoa mais circular, é mais o meu caráter. Mesmo o ar entre minhas mãos é redondo.”

 “Todo o meu trabalho é mãe-e-filho”

 

TED Talk

Eva chegou a dar seu depoimento, falando sobre sua carreira e sua última coleção, nesta palestra TED. O vídeo já possui quase 350 mil visualizações. Vale a pena conferir.

 

Eva Zeisel faleceu em 2011, aos 105 anos de idade e 75 anos de carreira, provavelmente como a designer (ou “fazedora”, como se intitulava) de cerâmicas mais importante do século XX.

Não deixem de conferir as outras referências básicas: Paula Scher, Rodchenko e Charles e Ray Eames.

Fontes: 1,2,3,4,5

 

Clique aqui para comentar ( )