Design

Top 10 ótimos exemplos de uso do espaço negativo

Popularmente chamado de ‘espaço em branco’, o espaço negativo é (em síntese) o ‘fundo’ com uma função: Preencher e compor uma outra forma, um diferente significado, até mesmo de maneira complementar. O espaço negativo em si não existe sozinho, é sempre associado a um outra forma, coexistindo com o restante da arte.

Um exemplo muito bem conhecido é o da Fedex, onde  no espaço entre o E e o X, pode-se ver claramente uma seta que simboliza o avanço para o futuro, sempre em frente.

Dito isso, vamos ao nosso top 10 incríveis exemplos de uso do espaço negativo!

1 – Predadores e suas presas, por Andrea Minini

A designer Italiana utilizou o conceito de animais e suas presas para criar suas artes, em que o espaço negativo serve para compor um outro animal, de forma muito sutil.

2 – As ilustrações de Tang Yau Hoong

Este ilustrador da Malásia utiliza muito bem o espaço negativo para compor suas obras, de forma divertida e em contraponto com as muitas cores e formas.

3 – Anúncios de tintas eco-cleans, por Ajinkya Bane

O designer gráfico Indiano criou estas ilustrações minimalistas, com o objetivo de evidenciar que as tintas da marca Nerolac contribuem para a preservação da natureza.

4 – Lindo pôster de Pedro e o Lobo, por Philip Morris

As diferentes formas combinam e compõe esta belíssima capa, onde os dois principais elementos da história estão presentes e se complementam.

5 – Os logos de Abdallah Ahizoune

O artista utiliza de forma muito interessante com o espaço negativo na criação de logos inteligentes e criativos.

6 – Pôsteres de O Senhor dos Anéis, por Matt Chase

O designer americano repaginou pôsteres da trilogia de filmes famosos, criando artes bem conceituais e simbólicas.

7 – Os simpáticos animais de Bodea Daniel

O designer Romeno criou estes divertidos animais minimalistas, utilizando o conceito de espaço negativo para compôr as características de cada um.

8 – Letras conectadas, por Schapko Ilya

Estes designs de letras conectadas utilizam o fundo de maneira muito interessante para compor a junção das letras, de forma simples e harmônica.

9 – Criativa capa de Moby Dick, por Alexander Johnson

O designer britânico reimaginou o conto da baleia lendária Moby Dick de forma muito criativa, compondo um símbolo que mostra o objetivo do livro de maneira clara e muito elegante.

10 – As românticas colagens de Joe Webb

Joe Webb é um designer cujo estilo é baseado em colagens. Seus trabalhos lembram muito a literatura pulp dos anos 50/60, com mulheres do estilo pin-up em artes muito românticas e inspiradoras.

 

 

 

 

 

 

Clique aqui para comentar ( )